Começou a funcionar nesta quinta-feira (15/12) a Central de Comunicação e Monitoramento (Cecom), na sede da Guarda Civil Municipal (GCM) de Porto Ferreira. O serviço de vídeo-monitoramento por câmeras espalhadas pela cidade pretende contribuir com as forças policiais do município para o combate à violência e à criminalidade.

A solenidade de inauguração contou com a presença da prefeita Renata Braga; do presidente da Câmara Municipal, vereador Luiz Antônio de Moraes, o Maguila; do tenente PM Leonardo Régis Ramos, representando a 4ª Cia/PM; do diretor do Departamento de Governo da Prefeitura, André Luís Martins Pereira; do comandante da Guarda Civil Municipal, GCM José Eduardo Ferreira; e do presidente da Associação Comercial e Empresarial de Porto Ferreira, Luiz Antônio Duz. Também presentes outros diretores de Departamentos, servidores, empresários, convidados e o assessor do deputado federal Lobbe Neto (PSDB), Marcelo Padilha Gomez.

O diretor de Governo, André Pereira, foi o primeiro a usar a palavra e discorreu sobre todo o trabalho para implantar a Cecom e seus benefícios. Também falou sobre alguns números da Segurança Pública no município e agradeceu ao trabalho e empenho de todos, principalmente dos GCMs que, nos últimos dias, fizeram um grande esforço para que o serviço pudesse ter início.

O vereador Maguila, em sua fala, registrou o apoio de todos os vereadores à sua emenda ao Orçamento, que destinou R$ 300 mil para a implantação do projeto. “Estou há 16 anos no Legislativo e pelo menos há 12 já se discutia o vídeo-monitoramento. Fico muito feliz de ver este sonho concretizado”, destacou.

Encerrando os discursos, a prefeita Renata Braga também agradeceu ao trabalho e esforço de todos os envolvidos no projeto, como as forças policiais da cidade, o Conseg (Conselho de Segurança), empresários e guardas municipais. Disse ainda que, tanto ela quanto o vereador Maguila, terminam seus mandatos de “cabeça erguida”. “Este é um serviço para todos nós, para toda a população. Há muito que se discute o vídeo-monitoramento e conseguimos, mesmo no final do mandato, implantar o serviço. É uma grande conquista e isso também vai ajudar o próximo governo municipal, que poderá ampliá-lo”, completou.

O que é

O vídeo-monitoramento, ou monitoramento por câmeras, consiste na utilização de equipamentos eletrônicos de segurança instalados em pontos estratégicos. Esta rede pode utilizar tanto câmeras adquiridas pelo município como também de estabelecimentos comerciais e residências. A central ficará em local protegido e funcionários orientados e supervisionados acompanharão as imagens.

A qualquer sinal de ocorrência policial é feita a comunicação com os agentes de Segurança Pública e, com isso, são tomadas ações mais rápidas e efetivas contra a criminalidade, sem falar no aumento da sensação de segurança àqueles que estiverem sob a área monitorada.

Até agora foram implantadas seis câmeras na cidade, nos seguintes pontos:

– Av. Prof. Henrique da Motta Fonseca Júnior x Av. Engº Nicolau de Vergueiro Forjaz;

– Rua Dona Balbina x Rua Coronel Procópio de Carvalho (Prefeitura);

– Rua São Sebastião x Rua Coronel João Procópio;

– Rua Dona Balbina x Rua Nelson Pereira Lopes;

– Av. Dr. José Ferreira de Azambuja x Rua Com. Agostinho Prada;

– Av. João Martins da Silveira Sobrinho (Avenida do Comércio).

A Cecom tem infraestrutura para operar com até 30 câmeras simultaneamente.

Cléber Fabbri   |   MTb 30.118   |   Assessoria de Comunicação

Anúncios