Esta semana a empresa responsável pelo primeiro trecho da duplicação da avenida Rudolf Streit retomou as obras, que estavam paradas desde o final do ano passado. Este trecho está sendo custeado com recursos do Governo do Estado, no valor de R$ 1,5 milhão, e compreende a maior parte do empreendimento, inclusive com a construção de uma nova ponte sobre o rio Santa Rosa (já finalizada).

Na terça-feira (29/03) a prefeita Renata Braga recebeu em seu gabinete o engenheiro e diretor técnico da Construtora ERP, vencedora da licitação, Everton Reis de Paula. Ele explicou que a paralisação ocorreu por dois fatores principais: um atraso de 4 meses nos repasses dos recursos pelo governo estadual e também pelas condições adversas do tempo (período de chuva).

De acordo com o engenheiro, esta fase final terá início com o tratamento da base do leito da pista compactada anteriormente. Após o tratamento, será executada a camada de bica corrida compactada. Em seguida, colocação de aditivo impermeabilizante e ligante. E, por fim, a finalização com a camada de rolamento (asfalto). Se as condições do tempo favorecerem, ele acredita que este processo pode ser feito em cerca de 20 dias.

Trecho da Prefeitura

O trecho da obra que o município está executando com recursos próprios também será retomado em breve. Para isso, foi necessária a aprovação de um projeto de lei na Câmara Municipal, aprovado por unanimidade na sessão de segunda-feira (28/03), que permite agora a suplementação de um recurso de R$ 750 mil.

De acordo com a mensagem da prefeita, esta verba servirá “para dar continuidade a obras de infraestrutura, em especial as obras da avenida Rudolf Streit com a execução de pavimentação asfáltica e de ciclovias, execução de iluminação e execução de rotatória; e, ainda a aquisição de um caminhão usado”. Serão R$ 650 mil para as obras e o restante, R$ 100 mil, para a aquisição do veículo.

“Fico feliz em ver esta, que é a maior obra viária do município dos últimos anos, estar chegando ao seu final. Iniciamos em meados de 2014 e, pela sua dimensão e por dependermos de repasses, acredito que tudo está correndo bem. O retorno será imenso para a cidade, principalmente para os cerca de 15 mil habitantes da região leste. Agradeço mais uma vez ao governador Geraldo Alckmin pela liberação dos recursos, aos nossos vereadores por entenderem a importância desta suplementação orçamentária, e à nossa população por respeitar o canteiro de obras e compreender que as coisas na esfera pública não acontecem do dia para a noite. Demanda muito trabalho e uma boa dose de paciência, mas o resultado é muito compensador”, finalizou Renata Braga.

Cléber Fabbri   | MTb 30.118   |   Assessoria de Comunicação