Área de exposição também recebe madeiramento do telhado

 

Nos últimos dias a empresa responsável pelas obras do palco permanente do Centro Cultural Fepasa finalizou a instalação da imensa estrutura que serve de cobertura para o local. Foram cerca de três semanas de trabalho na parte mais chamativa da obra, com cinco arcos de metal para suportar o material metálico da cobertura.

“Estou muito feliz com o andamento desta obra do palco permanente. Além de servir para as atrações culturais da cidade, será um novo marco visual do município”, comentou a prefeita Renata Braga esta semana.

As obras do palco foram retomadas no início de junho, após reprogramação autorizada pela Caixa Econômica Federal. Com valor de R$ 322.298,97, o contrato está sendo executado pela empresa Flex Comércio e Representação Ltda., vencedora do certame licitatório.

A obra estava parada desde 2012 e previa um investimento total de R$ 570 mil do Governo Federal, por meio do Ministério do Turismo. Contudo, apenas parte do projeto original foi executada. Desde que assumiu o governo, em janeiro de 2013, a prefeita Renata Braga determinou ao Departamento de Obras e Serviços Municipais para que tentasse uma reprogramação da obra.

Área de exposição

Outra obra que estava parada quando da posse do atual governo é a área de exposição que fica ao lado da antiga estação ferroviária, onde funciona a Casa da Cultura Elias dos Santos.

“Ali havia apenas o piso e os pilares de sustentação da cobertura. Uma parte nós conseguimos fazer no início do governo e agora recebemos o madeiramento para a confecção da estrutura do telhado restante”, explicou Renata Braga, que visitou esta semana o local, em companhia do chefe da Seção de Cultura, Alan João Orlando.

Cléber Fabbri   | MTb 30.118   |   Assessoria de Comunicação