Neste sábado (08/11), às 20 horas, na praça Cornélio Procópio (central), a Orquestra de Câmara da Sinfônica de Ribeirão Preto participará, como convidada, do projeto “Danças e Canções – A Arte pelo Interior Paulista”,  idealizado pelo maestro Enaldo Oliveira.

O concerto terá a regência do próprio maestro e a execução de obras de grandes compositores da música universal, como Edvard Grieg, Gustav Holst, Ernesto Nazaré, Chiquinha Gonzaga e Heitor Villa-Lobos.

As apresentações, que acontecem em diferentes municípios do Estado de São Paulo, têm o formato de palestra-concerto, na qual Enaldo Oliveira conversa com a plateia sobre as obras e seus compositores, explicando um pouco dos aspectos históricos, estéticos e formais do repertório.

O projeto, aprovado pela Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo –  ProAC – Programa de Ação Cultural/ICMS, tem o patrocínio da empresa MarGirius e apoio da Prefeitura de Porto Ferreira, por meio do Departamento de Cultura e Turismo.

Maestro Enaldo Oliveira

Enaldo Oliveira graduou-se como doutor em Regência de Orquestra pela Universidade de Iowa, nos Estados Unidos, como mestre em Musicologia pela Universidade de São Paulo e como bacharel em Violino pela Faculdade Santa Marcelina. No Brasil, Enaldo Oliveira foi o diretor artístico e maestro titular da Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz (Belém-PA) e, nos Estados Unidos, ocupou o mesmo cargo na University of Wisconsin-La Crosse Symphony Orchestra, na Saint Ambroise University-Community Symphony Orchestra, na Greater Cedar Rapids Youth Symphony Orchestras, e na La Crosseouth Symphony Orchestra.

Em suas atividades acadêmicas, Enaldo Oliveira atuou como professor da Universidade do Estado do Pará, como diretor de Estudos Orquestrais da UW-La Crosse nos Estados Unidos, e ainda no Brasil foi coordenador pedagógico do Projeto Guri, da Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo, professor da Universidade Livre de Música Tom Jobim e professor de Fundação das Artes de São Caetano do Sul.

Enaldo Oliveira é o criador, diretor artístico e maestro do Projeto “Danças e Canções – A Arte Musical Pelo Interior Paulista”.

Orquestra de Câmara da Sinfônica de Ribeirão Preto

A Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto foi fundada em 1921 e conta uma história de devoção e amor à música. Mantida pela Associação Musical de Ribeirão Preto, criada em 1938 por músicos e abnegados, desde então a Orquestra funciona de modo ininterrupto e vem desenvolvendo importantes projetos que difundem a música erudita, reafirmando seu papel de destaque no setor artístico e nos cenários municipal e nacional.

A Orquestra é composta por 54 músicos, que se apresenta ainda em diferentes formações musicais, Orquestra de Câmara, Quarteto de Cordas e Quinteto de Metais.

Cléber Fabbri   |   MTb 30.118   |   Assessoria de Comunicação

Anúncios