Em Araraquara, municipalização das ações foi o centro do debate

Professor Antônio Carlos Gomes da Costa entre as assistentes sociais Milene Arantes Varisi e Ana Alessandra Borges

Nos últimos dias 1 e 2 de dezembro, na cidade de Araraquara (SP), foi realizado o 1º Fórum Regional de Medidas Socioeducativas de Prestação de Serviços Comunitários e Liberdade Assistida. Representando o município de Porto Ferreira participaram as assistentes sociais Ana Alessandra Borges e Mileni Arantes Varisi, que atualmente desenvolvem esse trabalho no Creas (Centro de Referência Especializado da Assistência Social) de Porto Ferreira.

O objetivo do evento foi promover debates e reflexões junto aos técnicos e gestores dos municípios sobre o processo de municipalização das medidas socioeducativas em toda a região, na perspectiva do alinhamento e da integração do Sistema Único de Assistência Social (Suas) e do Sistema Nacional de Atendimento Sócio Educativo (Sinase).

O evento contou com vários palestrantes renomados no assunto, juízes da Vara da Infância e Adolescência, promotores públicos, e com relevante destaque a participação do professor-doutor Antônio Carlos Gomes da Costa, pedagogo e oficial de projetos da Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância), do OIT (Organização Internacional do Trabalho) e um dos relatores do ECA (Estatuto da Criança e Adolescente).

Durante o evento os participantes receberam materiais de apoio para serem utilizados no dia-a-dia da atuação desses profissionais.

O Creas de Porto Ferreira atende aproximadamente 25 adolescentes infratores por mês. Esses menores são submetidos a medida socioeducativa de liberdade assistida, para posterior reinserção ao convívio social.

 

Anúncios