Secretário estadual de Educação autorizou obras após pedidos do prefeito

Maurício Rasi e Paulo Renato Souza, em São Paulo (setembro)

Em atendimento a solicitações do prefeito Maurício Rasi, o secretário estadual de Educação, Paulo Renato Souza, autorizou oficialmente semana passada duas importantes obras: a reforma da Escola Estadual Professora Pedrina Pirez Zadra, localizada na Vila Sybilla; e a construção de uma escola para atender às séries finais do ensino fundamental (5ª a 8ª) no Jardim Porto Bello.

No início de setembro o prefeito Maurício Rasi, o vice Saldanha Leivas Cougo e o vereador Carlos Teixeira se reuniram com o secretário Paulo Renato Souza em São Paulo, quando entregaram os pedidos ora atendidos, entre outros. Na ocasião, o prefeito ficou entusiasmado pela atenção dispensada pelo secretário. “Ele [Paulo Renato] foi muito solícito aos nossos pedidos. Quero agradecer ainda ao vereador Carlos Teixeira, que fez esta intermediação. O secretário, que já foi ministro da Educação, entendeu as nossas necessidades, uma vez que pudemos expor numa longa audiência todos os detalhes quanto ao sistema de ensino em Porto Ferreira”, comentou na época.

Esta semana o Fundo de Desenvolvimento da Educação (FDE) do governo do Estado enviou ofício à Prefeitura contendo uma relação com toda a documentação a ser providenciada para a celebração dos convênios.

A escola Pedrina Pires Zadra receberá uma reforma geral nas estruturas físicas, inclusive nas redes lógica, de energia elétrica e hidráulica. A unidade escolar, uma das mais antigas do município, atende a cerca de 900 alunos do ensino fundamental (séries finais) e do ensino médio e há muito necessita das melhorias.

Já a construção de uma nova escola no Jardim Porto Bello, com 12 salas, objetiva atender à demanda apresentada na região Norte, formada pelos bairros Parque Residencial do Redentor, Desmembramento Milton Moda, Botafogo, Santa Cruz, Recreio São Lázaro, Paschoal Salzano, Centenário, Porto Bello, Residencial Las Palmas e Vila Real.

“Atualmente a demanda daquela região vem sendo atendida, em sua maioria, na EE Washington Luiz, o que necessita a utilização diária da oferta do transporte escolar a aproximadamente 500 alunos, pois o percurso apresenta barreiras físicas formadas pela ponte sobre o rio Moji Guaçu, vicinal Luiz Pizetta, vicinal Sebastião Virgílio de Carvalho e rodovia SP-215, totalizando cerca de 15 km entre a ida e a volta”, escreveu Maurício Rasi no ofício de solicitação.

A região Norte é servida pela rede municipal com o atendimento ao ensino fundamental (séries iniciais) em uma escola instalada no bairro Parque Residencial do Redentor (Professor Bráulio Teixeira) e outra instalada no Jardim Porto Bello (Professora Ruth Barroso Teixeira), construída no primeiro governo de Maurício Rasi. A cada ano, portanto, cerca de 150 novos alunos têm de se deslocar das proximidades de sua residência para freqüentar as séries posteriores.

Anúncios